Seguindo as prescrições da Lei n.º 27/2009 de 29 de Setembro e de acordo com o Decreto n.º 48/2010 de 11 de Novembro, a UMUM estrutura-se em três ciclos de formação, nomeadamente os 1.º, 2.º e 3.º ciclos, dotando-se de capacidade humana e material, para o ensino, investigação científica e extensão em vários domínios do conhecimento, com vista a proporcionar uma formação teórica e académica de qualidade.

A qualidade do ensino a oferecer é, sem dúvida, um dos lemas da UMUM que, por isso, se propõe à partida oferecer uma formação avançada tanto ao corpo docente como ao corpo directivo, como a interessados do sector da educação bem como de outros sectores. Esta directriz emerge como um dos traços distintivos da UMUM – todo o profissional que integrar a UMUM estará em contínua formação, actualizando-se e autoavaliando-se com vista a uma melhoria continuada do seu desempenho.

Optamos, pois, por um modelo educativo que revalorize a função directiva e a função docente. A finalidade é criar condições para que a conexão entre o ensino e a aprendizagem se estabeleça, dando origem a uma aprendizagem permanente e de qualidade, para uma formação integral em que a relação entre o saber e o saber fazer em contexto aproxime a universidade da realidade em que se integra, quer a nível regional, quer nacional, quer internacional.

Com essa finalidade, no final do 1º ano académico, na sequência do trabalho de equipa, fomentado entre o corpo directivo e o corpo docente, entre o corpo docente e os estudantes, a procura de qualidade da leccionação aos vários níveis (licenciatura, pós-graduação, mestrado), pelo recurso a uma investigação implicada, permitir-nos-á instituir e organizar unidades de investigação e desenvolvimento [U I&D], estando assim criadas as condições necessárias para dar início a cursos de doutoramento.

Serão, então, anunciadas as primeiras U I&&D assim como os primeiros cursos de doutoramento. As áreas científicas neste momento em discussão contemplam de forma abrangente:
– a Educação, as Ciências Sociais e as Humanidades;
– as Ciências Exactas e as Engenharias;
– as Ciências Naturais e do Ambiente.